DESTAQUES

Estudo reduz fumo associando cheiro de cigarro a peixe podre durante o sono

Pesquisa israelense expôs fumantes a associações inconscientes durante o sono e reduziu 'significativamente' o consumo de cigarros.

A associação induzida durante o sono entre o cheiro de cigarro e o de peixes podres pode ajudar a reduzir o fumo, sugere pesquisa realizada por cientistas do departamento de Neurobiologia do Instituto Weizmann, em Israel.

A pesquisa, publicada no "Journal of Neuroscience", envolveu o Laboratório do Olfato do instituto, dirigido pelo professor Noam Sobel, e o Laboratório do Sono. Foram examinadas as reações de 66 voluntários fumantes a uma noite de exposição ao cheiro de cigarros intercalado com odores desagradáveis, de peixes ou ovos podres. Eles diminuíram seu consumo de cigarros em 30%.

A SENAD, em parceria com a Fiocruz, divulga a versão digital do livro com a íntegra da Pesquisa Nacional sobre o Uso de Crack

A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas - SENAD em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ divulga a versão digital da "Pesquisa Nacional sobre o Uso de Crack". Esse estudo constituiu uma ampla investigação, que teve como propósito  delinear o perfil dos usuários de crack, e estimar a proporção e a distribuição geográfica dessa população nas 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal.

Para acesso a pesquisa em sua versão digital, clique aqui.

Fonte: SENAD

Terra da Sobriedade aprova novo Estatuto Social

A Terra da Sobriedade acaba de aprovar o seu novo Estatuto Social. A alteração veio de encontro às recomendações da Consultoria de Gestão Organizacional, iniciada em dezembro de 2013, com o objetivo de adequação às exigências da gestão atual das entidades do Terceiro Setor Nacional.

A instituição criou uma "Comissão de Estudo do Estatuto", composta por: Ronaldo da Silva Costa, atual presidente da Terra da Sobriedade; Marcus de Castilho Souza, Vice-presidente; Dr. Eularino Chrisóstomo, Presidente do Conselho Curador; Mardel Amaral, sócio fundador; e Carlos Barcelos Costa, membro do Conselho Fiscal. A comissão foi assessorada pela Superintendente Técnica Adjunta da Terra da Sobriedade, Ana Luiza Cesar Viana e pelo Coordenador do Programa Papo Legal, Ronaldo Vitelli Viana.